ANALOGIA


  A essência da vida, escrever o quê? Daqueles que fazem parte do nosso cotidiano, mesmo que distantes pelas as circunstâncias da nossa própria existência. Momento sábio, palavras profundas, as quais se aprofundam em suas entranhas e mesmo que estranhas, sabes os sentidos delas.
  Escrito por: Antonio Carlos de Lima-“Toninho Carlos
  Para você: Meu diamante negro, minha musa inspiradora.